16/11/10

Castagnaccio alla Toscana


Estive um bocado indecisa quanto a publicar esta receita... Dei-a a provar a várias pessoas e as opiniões não foram consensuais. Todos gostaram do sabor, mas alguns acharam a textura pesada/compacta, outros, sobretudo, os que gostam de broa castelar, apreciaram este doce típico da Toscânia.

É por isso um “bolo” (na verdade, não é bem um bolo é mais uma broa) indicado para quem gosta de texturas mais substanciais, para quem está habituado à textura dos bolos e pães sem glúten, nem fermento... Uma boa sugestão para acompanhar um chá, numa tarde de Outono, com a chuva a cair lá fora.

Fonte: Sabores Irresistíveis, Gradiva (o título da receita em português é Fogaça de castanhas).


Ingredientes:


75 g de passas
Zest de 1/2 laranja
250 g de farinha de castanha
75 g de açúcar
50 g de nozes (triturei-as)
35 g de pinhões (não usei... já que o preço é um bocado "salgado")
2 colheres de sopa de azeite (uma para a massa, outra para pincelar)
1 chávena de leite
1 chávena de água
5 galhinhos de rosmaninho
Manteiga q.b.


Demolhe as passas de uva durante 30 m em água morna.


Tradicional


Peneire a farinha para uma tigela grande. Misture o sal e o açúcar. A pouco e pouco, junte 1 colher de sopa de azeite, o leite e a água, mexendo sempre até obter uma massa lisa e fluida. Caso fique com grumos, use a batedeira. Acrescentar a noz, as passas bem espremidas, o zest de laranja e as folhinhas do rosmaninho, envolvendo. Unte uma forma com manteiga e verta o preparado, estendendo-o bem (não deve superar os 2 cm de altura - usei uma forma rectangular de 22x28 cm). Pincelar com azeite e colocar pedacinhos de manteiga por cima (tem de ser pedacinhos mesmo pequenos, caso contrário o bolo ficará com as marcas da manteiga). Vai ao forno pré-aquecido a 180 graus cerca de 50 minutos.


Thermomix_bimby


Triturar as nozes pressionando o botão turbo 2 ou 3 vezes (não é preciso ficarem tipo farinha, é uma moagem grossa). Retire do copo e reserve. Junte a farinha com o sal e o açúcar e seleccione 30 seg./velocidade 3. Junte os líquidos (azeite, água e leite) e programe 30 seg/velocidade 4. Juntar as passas, o zest de laranja, as folhinhas de rosmaninho, marcando 1 minuto/velocidade 1/colher inversa. Unte uma forma com manteiga e verta o preparado, estendendo-o bem (não deve superar os 2 cm de altura - usei uma forma rectangular de 22x28 cm). Pincelar com azeite e colocar pedacinhos de manteiga por cima (tem de ser pedacinhos mesmo pequenos, caso contrário o bolo ficará com as marcas da manteiga). Vai ao forno pré-aquecido a 180 graus cerca de 50 minutos.

Neste site, pode ler a história deste doce com uma longa tradição. Os primeiros registos sobre ele datam do ano 500.

9 comentários:

  1. Eu nunca comi, mas como sou fã de broas e da sua consistência, acho que gosto!
    :)
    a foto está tão bonita! :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. A foto está linda! De babara por mais e mais! Adorei a receita, que não conhecia...acho que também dispenso o "sal" dos pinhões! Ainda mais nesta altura do Ano! parece que ainda ficam mais "salgados" do que os costume! (Já me fizeste sorrir!) Um beijinho :)

    ResponderEliminar
  3. Isto é uma tentaçãoooo!!!
    Adorei a foto!!
    ;o))

    ResponderEliminar
  4. Essa textura compacta agrada-me bastante, tal como a foto, está linda!!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Eu gostei da receita, mas para ser sincera, gostei mais da fotografia!!
    Para além de nos ensinares maravilhosas receitas que tal passares também a ensinar a tirar fofografias assim? Parecem profissionais. Parabéns!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  6. Nunca comi, nem nunca tinha ouvido falar, mas só pela foto tenho a certeza que gosto. Acho que hoje vi qualquer coisa com este nome num blog Italiano, vou procurar :)
    A foto está fantástica!
    Beijocas

    ResponderEliminar
  7. Farinha de castanha compra-se ou faz-se em casa? Eu sou bem capaz de gostar disso, as texturas pesadas agradam-me :)

    ResponderEliminar
  8. estou como a meixcinha nao se onde encontar farinha de castanha.
    tem uma consistencia dura ams eu gostava de provar
    gosto destas coisas
    beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Eu gosto de castanhas, mesmo com essa consistência devo apreciar.
    A foto está belissima!
    Beijo

    ResponderEliminar

A sua opinião conta: comente, sugira alterações, pergunte e tempere a gosto. As críticas construtivas e as pessoas bem-dispostas são sempre bem-vindas.

Comentários desagradáveis, spam e publicidade, serão varridos desta cozinha.

Qualquer dúvida, não hesite em perguntar. Tentarei responder a todos os comentários e prestar esclarecimentos aqui no blogue ou via email.