14/02/08

Passion for chilli

Geleia de pimenta (malagueta)

Esta geleia pareceu-me perfeita para assinalar o dia dos namorados. Além de vermelha, uma cor inevitavelmente associada ao amor, o seu sabor doce e, ao mesmo tempo, picante constitui uma boa metáfora para as relações amorosas.

Falando da receita. Desde que encontrei uma menção à geleia de pimenta no maravilhoso Sabores da Lica, que não descansei enquanto não a fiz. Encontrei a receita original aqui. Procedi a algumas alterações, exclusivamente nas quantidades, pois em vez de malaguetas, usei uns chilies super potentes que comprei na loja asiática do Poço do Borratém. Não consegui apurar a que espécie pertenciam, mas descobri que os chilies de formato mais arredondado (este pareciam pimentos em miniatura) são habitualmente os mais pungentes. Daí a redução drástica na quantidade de chiili, enquanto a receita original aponta para igual quantidade de malagueta e de pimento vermelho. O resultado final foi perfeito, mas só aconselhável a verdadeiros apaixonados...por picante. Para paladares menos corajosos, usem malaguetas mais fracas, mas não deixem de experimentar esta delícia.

Ingredientes:
75 g de chillies potentes
200 g de pimento vermelho
250 g de açúcar
½ chávena de sumo de limão

Lavar as malaguetas e os pimentos, abri-los para retirar sementes e as fibras mais claras. Atenção: convém usar umas luvas e ter cuidado com o nariz e os olhos. Numa picadora, picar os pimentos e as malaguetas. Numa panela de inox ou cobre, levá-los ao lume com uma colher de sopa de açúcar e o sumo de limão. Quando levantar fervura, juntar o restante açúcar. Deixar cozinhar até ficar com aspecto de geleia. Para estas quantidades, o processo é rapidíssimo: 10 a 15 minutos. A minha ficou cerca de 20 minutos e caramelizou.

Nota: esta geleia é boa para colocar em sandes de carnes frias, para acompanhar bolinhos de peixe (daqueles tailandeses), servir com frango no churrasco, bifanas grelhadas, assados.

22 comentários:

  1. HOT, HOT, TOO HOT FOR ME!

    Ui, essa não experimento não!!!

    Beijinhos e feliz dia de S.Valentim!

    ResponderEliminar
  2. ai já comi mas da industrializada q nao era nada picante! adorei essa que parce ser ultra picnte! é assim q gost! bjos

    ResponderEliminar
  3. Pipoka que geleia linda!! Está mesmo com uma côr fabulosa, gostava de experimentar.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Esse frasquinho está mesmo lindo! Eu era menina para provar... Mas só mesmo para provar! :o)

    Para a próxima, tenho mesmo de me organizar e conciliar as minhas férias com um encontro contigo pois teria muito gosto que experimentasses o picante de África. O gindungo hot, hot, hot!

    Beijinhos grandes!

    ResponderEliminar
  5. bolas!!! isso deve picar muito... mas eu até gosto de coisas picantes
    quem sabe um dia destes não arrisco a fazer?

    ResponderEliminar
  6. Com esta tenho impressão que não me aventurava... eu e o picante não 'colamos'!! A cor é maravilhosa!

    Bj

    ResponderEliminar
  7. Adorei o texto...
    Passion for chilli and hot stuff!!!
    De certeza que adoraria esta geleia...
    Beijoca

    ResponderEliminar
  8. Hum! sou capaz de comer uma colherada pura!
    bjo,
    Nina.

    ResponderEliminar
  9. Nunca pensei que se pudesse fazer geleia de chili. deve se ruma brasa. Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Esta receita é especial, ADOREI, que maravilha, nunca teria pensado em nada assim. Ja tomei nota. Obrigada.
    Bom namoro! Com um leve toque picante.
    Beijinhos
    Márcia

    ResponderEliminar
  11. Uau, que tentação!!!
    Se for tão picante como é bonita...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  12. Que receita fantástica.

    Na minha próxima colheita de malaguetas vai sair geléia, ai vai, vai!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  13. meu sogro vai adorar essa receita. deve ser bem hot mesmo.
    bjs

    ResponderEliminar
  14. Olá tenho uma comunidade destinada aos empreendedores e proprietários de restaurantes, bares, lanchonetes e afins. Este grupo foi criado com o objetivo de discutirmos sobre as melhores práticas, dicas, fornecedores, administração de restaurantes, compras, vendas e organização. Esta é uma forma de agregarmos mais conhecimento ao nosso negócio para que o nosso trabalho nos leve ao Sucesso.

    Caso queira trocar links entre nossos blogs tenho interesse ok!!!

    Nosso blog http://gestaoderestaurantes.wordpress.com

    No Orkut: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=43146862

    Nosso Grupo do Yahoo Grupos http://br.groups.yahoo.com/group/Gestao_de_Restaurantes

    Meu e-mail: alisonalves@yahoo.com.br

    Um abraço

    Alison

    ResponderEliminar
  15. Vou fazer esta geleia, só para a casar com um dos meus pães.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  16. Amei essa geléia, e a apresentação!
    Beijinhos da Cris.

    ResponderEliminar
  17. Bem, esta geleia é super interessante e diferente. A cor é espectacular e a foto está linda.
    Beijokas

    ResponderEliminar
  18. Picante não é o meu forte!
    Embora o use com moderação.
    Engraçado que no almoço africano a que fui, havia lá um frasco com manga verde aos bocadinhos e com gindungo, que estava uma maravilha.Experimentei,mas muito pouco, e era um picante diferente, um pouco cortado pelo sabor da manga verde.
    Isto também foi feito pelo cozinheiro de serviço. Um Moçambicano que adora cozinhar e, de vez em quando, faz o favor de reunir os amigos .
    Como não tenho demasiada confiança com ele, Vou pedir ao meu marido, a ver se lhe dá a receita do feijão com banana.

    turbolenta

    ResponderEliminar
  19. Pipoka, passa no meu blog atribui-te um prémio :-)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  20. Achas que eu conseguia fazer essa delícia!
    A única vez que tentei fazer doce tive de deitar a a panela fora!
    E eu que não resisto a picante. Faz-nos sentir vivos, não é!

    ResponderEliminar
  21. Linda geléia tbém faço molhos e geleias com pimentas...

    http://mrpeppersartori.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  22. Bom dia

    Tinha pimentos padrón e um patê de alheira, lembrei-me de uma entrada que comi há já algum tempo que na altura pareceu-me uma compota de piripiri fiz uma busca pela blogosfera e encontrei a tua sugestão.
    Ficou muito bom obrigada pela partilha

    até breve
    paula

    ResponderEliminar

A sua opinião conta: comente, sugira alterações, pergunte e tempere a gosto.

Qualquer dúvida, não hesite em perguntar. Tentarei responder a todos os comentários e prestar esclarecimentos aqui no blogue ou via email.